Cursos gratuitos conscientizam alunos e professores a cuidarem do meio ambiente

05 de junho de 2019

Iniciativas de formação continuada do projeto Escolas Conectadas abordam questões como uso consciente da água e criação de um pomar doméstico

Imagem mostra uma criança em destaque regando uma planta

O Dia Mundial do Meio Ambiente, 05 de junho, é uma oportunidade de trazer para o foco questões ambientais que têm movimentado debates ao redor do mundo e também em nosso país. A data ajuda a refletir ainda sobre as práticas do dia a dia, partindo de pequenas ações que possam impactar positivamente o meio ambiente.

Existe uma grande preocupação em torno do tema e dos impactos negativos da ação do homem sobre o meio ambiente. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), chamam atenção alguns pontos como o descarte inadequado de lixo, a falta de coleta seletiva e de projetos de reciclagem, consumo exagerado de recursos naturais, desmatamento, desperdício de água e esgotamento do solo.

Segundo uma pesquisa realizada na Hertie School of Governance, em Berlim, que pretende compreender a eficácia da estratégia brasileira para concretizar os ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) das Nações Unidas até 2030, o Brasil apresentou avanços importantes na implementação dos planos, mas que ainda não são suficientes para alcançar as metas no prazo estipulado.

O estudo aponta que o Brasil possui restrições para atingir os ODS devido a exemplos como falhas na coordenação de diferentes instituições até deficiências em termos de inclusão e transparência.

 

Como mudar esse cenário?

Os ambientes escolares têm um papel importante para despertar a consciência dos alunos com relação à preservação do meio ambiente e o uso consciente de recursos naturais. Para que as práticas pedagógicas realmente se apliquem é necessário que professores e gestores estejam preparados para lidar com a diversidade no ambiente escolar. E por onde começar?

Pensando em oferecer recursos aos professores sobre a temática, a plataforma Escolas Conectadas oferece dois cursos: Água: gotas de conscientização, que propõe repensar o uso consciente da água por meio de atividades didáticas, e Pomar doméstico: um futuro saudável com frutas o ano todo, que traça um planejamento e a implementação de um pomar em casa ou na escola.

O curso Água: gotas de conscientização discute com os alunos a importância da água para os seres vivos. Durante a formação, são debatidos temas como o uso sustentável da água e como tratar esse tema para as futuras gerações.

Outra formação que debate a preservação do meio ambiente é o curso Pomar Doméstico – um futuro saudável com frutas o ano todo. A formação discute a importância de hábitos alimentares saudáveis e trata de perspectivas para a construção de ações didáticas que possam contribuir com a qualidade da alimentação dos alunos.

 

Mão na massa

A professora Franciele Barille atua na Escola Municipal de Educação Infantil Nostri Bambini na cidade de Vila Flores, no Rio Grande do Sul. Ela já realizou mais de 20 cursos do Escolas Conectadas. “Descobri a plataforma por indicação de uma amiga e aos poucos fui me matriculando”, revela a educadora que já soma mais de 1.420 horas de formação.

Segundo Franciele, o critério de escolha dos cursos foi pelos temas que despertaram a sua curiosidade. Entre eles, o da temática Pomar Doméstico. Depois de finalizar a formação, foi hora de colocar a mão na massa, literalmente. Para isso, um canteiro do terreno da escola foi limpo e preparado para uma verdadeira imersão sensorial dos alunos dentro de um pomar. “Eles manuseiam a terra e descobrem o que há nela, depois plantam mudas de alface e salsa, cuidam e regam. Até levar a produção para a merendeira da escola. Uma experiência que parte do concreto e depois insere as histórias”, comenta.

A inovação que Franciele aposta é na abordagem e na sensibilidade de perceber aquilo que as crianças têm vontade de aprender e ir apresentando o mundo aos poucos para os pequenos, seja em projetos na escola ou em visitas de campo. A intenção é de que os conhecimentos construídos sejam fundamentais para o bom desenvolvimento dos alunos. “Os pais comentam que os alunos gostam bastante. A repercussão tem sido boa”, comemora a professora.

Um dos benefícios que Franciele enumera para participar da formação é a comodidade. “Dá para fazer em casa, estuda no tempo que tem disponível, não precisa se deslocar, além da troca cultural com colegas educadores do país todo”. E conclui. “Tem que se comprometer, com as atividades e avaliações”.

Os cursos do Escolas Conectadas estão sendo também disponibilizados no portal Escola Digital, na categoria EAD. A plataforma reúne mais de 20 mil Objetos Digitais de Aprendizagem (ODAS) – entre jogos, animações, laboratórios virtuais, livros digitais, vídeos e muitas outras atividades digitais selecionadas especialmente para o uso do professor e também do gestor escolar. O objetivo é oferecer recursos pedagógicos digitais para esses profissionais da educação tornem suas aulas mais dinâmicas e disponibilizem formação continuada para aprimorar a prática pedagógica usando a tecnologia como aliada. Confira alguns conteúdos relacionados à temática do meio ambiente para trabalhar com os alunos ou incentivá-los a conhecer por conta própria!



Deixe uma resposta aqui