Campus Party 2017: empreendedorismo foi tema de mesa de debates sobre impacto social

14 de fevereiro de 2017
Imagem mostra muitas pessoas reunidas em um palco. Ao fundo se lê Campus Party

Programa Pense Grande, da Fundação Telefônica Vivo, é destaque em painel do evento, que reuniu 8.000 participantes em São Paulo

Entre 31 de janeiro e 5 de fevereiro, São Paulo recebeu a Campus Party 2017, a maior experiência tecnológica do mundo que une jovens em torno de um festival de inovação, criatividade, ciências, empreendedorismo e universo digital.

Em sua décima edição no país, o evento recebeu 8.000 participantes no Centro de Exposições do Anhembi e contou com mais de 700 horas de atividades. Em meio a diversas palestras e inúmeras oficinas, o empreendedorismo social foi destaque no painel Empreendedorismo de Impacto Social.

No debate, Luis Guggenberger, gerente de Projetos Sociais da Fundação Telefônica Vivo, participou da mesa de discussão Bora transformar realidades: #VEMPRACA sobre como incentivar empresas e startups a maximizar os resultados e colher bons frutos de seus negócios. A mesa abordou também questões sobre como empreender no país.

“Apresentei o Programa Pense Grande em todas as suas frentes. Falei ainda sobre a importância de o Brasil ter uma visão de investimento integrado no tema”, explica Luis, que mostrou o conceito Programa e seu impacto na vida de jovens empreendedores sociais.

De acordo com Luis, o fato de estar no painel e divulgar o Programa para o público é motivo de muito orgulho. “Foi importante estar lá para falar e debater sobre a nossa experiência no trabalho com os jovens de periferia”, diz.

O Programa Pense Grande da Fundação Telefônica Vivo, tem como missão difundir a cultura de empreendedorismo e de impacto social com tecnologia digital para jovens brasileiros de 15 a 29 anos. Os empreendedores são acompanhados e apresentados a diversos tipos de ferramentas, com estratégias para desenvolver e estruturar seus projetos inovadores. Contando com a ajuda dos mentores e das assessorias, eles entendem como é possível empreender e, ao mesmo tempo, colaborar para melhorar o mundo.

Assista ao vídeo e entenda como o empreendedorismo está ajudando a transformar a realidade dos jovens.



Deixe uma resposta aqui