Curso do TRILHAS fortalece projeto de alfabetização no interior de SP

30 de abril de 2020

Inspirada pela história da ativista Malala Yousafzai, rede municipal de Itatinga (SP) amplia iniciativa de leitura com o apoio do conteúdo do Portal TRILHAS. Saiba mais e conheça o novo curso da plataforma!


Tudo começou com um livro e o poder do processo de alfabetização. Os estudantes então usaram a imaginação para cruzar oceanos e se transportar para outro continente, entenderam conceitos geográficos, como países e Estados, conheceram novas culturas e vivências. Também pesquisaram o significado de palavras, a simbologia de vestimentas e assistiram a filmes e documentários. E foram além: aprenderam a valorizar o conhecimento, a lutar por seus sonhos e perceberam a diferença que a educação faz na vida de uma pessoa.

A paquistanesa Malala Yousafzai ficou mundialmente conhecida após sofrer um ataque por lutar contra a proibição do acesso a escolas por meninas no Vale do Swat. Em 2014, tornou-se a mais jovem a ganhar o Prêmio Nobel da Paz e hoje é uma importante ativista pela educação.

Esse relato foi feito pela professora Marcela Oliveira, da EMEF Paulo Thomaz da Silva, em Itatinga (SP), que viajou com seus alunos sem sair da sala de aula por meio da obra Malala, a Menina que Queria ir para a Escola (Companhia das Letrinhas, 2015), da escritora e jornalista Adriana Carranca.

“O projeto ganhou uma proporção muito positiva, marcou muito os estudantes, influenciou a vivência deles. Pude ver como aprenderam diversos assuntos e disciplinas com significado e amor”, afirma a educadora sobre o trabalho feito no ano passado com a turma do 3º ano do Ensino Fundamental.

O que começou como uma simples atividade engajou tanto os estudantes que foi feito um chá da tarde para compartilhar o conhecimento adquirido com os pais e a comunidade escolar.

A iniciativa também chamou a atenção da gestão escolar, que decidiu expandir o alcance dele com ajuda do curso Leitura em Voz Alta pelo Professor, oferecido pelo portal TRILHAS. A plataforma, criada pelo Instituto Natura em parceria com a Fundação Telefônica Vivo e apoio do Instituto Península, oferece, gratuitamente, instrumentos para educadores e estudantes de pedagogia trabalharem a alfabetização de crianças.

Alinhado às metas do Objetivo de Desenvolvimento 4 da ONU, relacionado à educação, o portal possibilita que as Secretarias Estaduais e Municipais de Educação utilizem os cursos como parte de suas políticas e programas de formação de professores.

Imagem da professora Marcela Oliveira, da EMEF Paulo Thomaz da Silva, em Itatinga (SP) com seus alunos

 

Expandindo o projeto para toda a rede

“O sucesso desse projeto abriu os olhos para oportunidades de aprendizagem. Mais do que nunca haverá uma identificação dos alunos com a Malala, pois agora são as nossas crianças que não podem ir à escola. A capacitação dos professores neste período de isolamento social será muito produtiva para nossos alunos”, afirma a coordenadora pedagógica Adriana Soares.

Durante a paralisação imposta pela pandemia do coronavírus, a gestão viu uma janela de oportunidade para investir em formação continuada e agora o curso Leitura em Voz Alta pelo Professor será usado como base teórica e prática para os cerca de 100 professores da rede municipal de Itatinga (SP) no processo de alfabetização dos estudantes.

A ideia é aliar a inspiração trazida pelo projeto desenvolvido pela professora Marcela Oliveira, que encantou e engajou os alunos, com o material de apoio do curso oferecido pela plataforma de ensino a distância, formado por vídeos, textos e livros digitais.

Neste momento de paralisação das aulas e isolamento social para a contenção da COVID 19 no país, a Fundação Telefônica Vivo reforça o oferecimento de seus conteúdos digitais pedagógicos e gratuitos por meio de suas plataformas digitais.

“É uma formação curta, mas muito bem organizada, de chão de escola. Direciona o que o professor tem qu e fazer e ajuda a explorar melhor o acervo que já temos”, resume João Rafael, diretor municipal de educação de Itatinga (SP).

 

Novo curso do TRILHAS abre inscrição. Participe!

Baseado em uma construção colaborativa, o portal TRILHAS oferece novos cursos gratuitos referenciados pela Base Nacional Comum Curricular (BNCC), promovendo a troca de experiências entre educadores de todo o Brasil.

A partir de 29 de abril estão abertas inscrições para o curso Escrita compartilhada: Pesquisar, Comunicar e Aprender. São 45 horas de formação pautadas pelo uso da enciclopédia como uma ferramenta de pesquisa e de produção textual para inserir as crianças em fase de alfabetização no universo de obras científicas.

Entre as competências a serem trabalhadas estão a internet como ferramenta democrática de acesso à informação, o aprofundamento de saberes sobre a escrita e a ampliação do repertório linguístico e de comunicação dos estudantes.

Para mais informações, acesse a página de cursos do portal TRILHAS.



Deixe uma resposta aqui