Ensino de GO ganha plataforma online de conteúdo pedagógico

23 de março de 2018

A ferramenta oferece mais de 20 mil conteúdos interativos e gratuitos e pode ser utilizada por todos os gestores, professores e alunos da rede pública

Escola Digital em Goiás

Mais de 2 mil pessoas se reuniram para o lançamento do projeto Escola Digital, em Goiânia no dia 6 de março. O projeto, que permite a customização do conteúdo pedagógico para redes educacionais resultou na plataforma batizada de Aprender + Inovação.

A ferramenta oferece mais de 20 mil conteúdos pedagógicos interativos e gratuitos e pode ser utilizada por todos os gestores, professores e alunos da rede pública de Goiás, graças a uma parceria entre o governo do Estado, a Fundação Telefônica Vivo, o Instituto Natura e o Instituto Inspirare.

O Aprender + Educação aborda as mais variadas disciplinas por meio de vídeos-aula, jogos educacionais, livros digitais e outros objetos de estudo, oferecendo alternativas mais interativas de aprendizagem.

A plataforma também permite que os professores elaborem planos de aula online e compartilhem com toda a rede conectada do Escola Digital. Para garantir o melhor aproveitamento das ferramentas, os docentes passarão por capacitação.

Atualmente, a rede de ensino do Estado conta com 1.151 escolas, 22.214 professores e 549.518 alunos.

 

Lançamento

O evento contou com a presença de autoridades, representantes das organizações envolvidas no projeto e a sociedade civil. Durante a cerimônia, foi assinado um termo de parceria entre o governo e as instituições e também lançadas outras ações do governo.

“Por que não utilizar a tecnologia para tornar a escola mais agradável, dinâmica e contemporânea? A tecnologia já está dentro da sala de aula. Dessa forma conseguimos colocá-la a serviço dos professores”, disse Americo Mattar, diretor-presidente da Fundação Telefônica Vivo.

A secretária de Educação, Cultura e Esporte, Raquel Teixeira, disse que o mundo do século 21 requer, entre outras coisas, colaboração. “Ao mesmo tempo em que há uma aceleração tecnológica e imprevisibilidade do futuro, há também a manifestação de diferentes culturas, línguas e crenças”, afirmou.

“Se não desenvolvermos a capacidade de colaboração e comunicação, teremos um mundo aos pedaços. E esse ato hoje é um caminhar na direção do futuro”, completou. Já o governador Marconi Perillo lamentou que o Brasil ainda amarga posições distantes do topo da educação mundial.

“Mas me contenta e me alegra ver o engajamento de instituições que são nossos parceiros nesse projeto inovador”, disse ao citar a Fundação Telefônica Vivo, o Instituto Inspirare e o Instituto Natura, que participam do Plano Estadual de Inovação e Tecnologia na Educação.

O vice-governador José Eliton comentou que as novidades anunciadas no evento vão trazer ganhos qualitativos importantes. “Fiquei admirado com as plataformas apresentadas aqui. A Inovação deve ser uma busca constante. É o maior legado para desenvolvimento pedagógico de crianças e adolescentes em Goiás”, finalizou.

 

Sobre o projeto

O Escola Digital foi lançando em 2013 como uma plataforma agregadora de conteúdos educacionais com cerca de 20 mil recursos digitais selecionados por especialistas na área de ensino-aprendizagem. Todo este conteúdo é oferecido gratuitamente para educadores e redes de ensino.

A Rede Escola Digital é formada por 21 Estados, com Goiás e o município de Fortaleza, no Ceará, que constroem juntas o acervo de Objetos Digitais de Aprendizagem (ODAs) compartilhando conteúdos e experiências.  Além da customização de cores e nome, todas as plataformas da Rede podem ser customizadas conforme a necessidade de cada secretaria.

Leia também:



Deixe uma resposta aqui