Estudantes usam site e redes sociais para levar informação à Cidade de Deus, no Rio

04 de maio de 2017
Fundadores do CDD na Web

Grupo aposta na comunicação para mostrar que bairro do Rio não tem apenas violência

Como é possível mudar a minha comunidade? Provavelmente, muitas pessoas se fazem essa pergunta. A vontade de transformar algo no local em que vivemos é comum e, na maioria das vezes, necessária. Infelizmente, os problemas não são tão fáceis de se resolver em alguns locais, mas com um empurrãozinho é possível dar os primeiros passos.

Um exemplo disso é a iniciativa de Noemy Farneze, Rafael Melo, Joyce Veloso e Lindeberg Silva. O grupo nasceu em 2015 para mudar a realidade da comunidade Cidade de Deus, bairro da Zona Oeste do Rio, que ficou famoso depois de dar nome a um dos maiores sucessos do cinema nacional.

Ação online e off-line A 2ª edição da pesquisa Juventude Conectada, realizada em 2015 pela Fundação Telefônica Vivo, mostra que 28% dos jovens entrevistados em todo o Brasil já participaram de manifestações nas ruas. Um total de18% vestiram camisetas em defesa de alguma causa e 10% participaram de greves. O levantamento mostra ainda que um quinto dos 1440 jovens consultados criou eventos para mobilização, postou vídeos ou fotos de autoria própria.

Com idades entre 20 e 27 anos, os jovens integrantes utilizam a internet como ferramenta de transformação local. A vontade de unir ideias apareceu quando os quatro estudavam juntos em um curso de design. Lá, a turma foi desafiada a criar um site, mas a proposta acabou não vingando. Mesmo assim, eles seguiram em frente com o projeto após o término do curso. E assim nasceu o CDD na Web.

De pouco em pouco, a iniciativa começou a ganhar vida. Primeiro, com uma página no Facebook. Depois, com o tão esperado portal de notícias sobre a Cidade de Deus. Mas o que existe no portal CDD na Web? Bom, existe muita coisa bacana. Com o objetivo de levar informação aos moradores, Noemy e seus amigos pensaram em um serviço que reunisse notícias, eventos, arte, oportunidades de trabalho e cursos. Todo conteúdo é pautado pelos acontecimentos do bairro.

Para Noemy, que fala com orgulho em nome de todos os integrantes, o CDD na Web foi pensado para ir além de um portal informativo. Ele é resultado da luta para tirar os jovens do cenário violento que existe na região, trazendo as iniciativas e oportunidades interessantes que existem ali, como oficinas de artes, vagas de emprego e grupos de discussão.

O Educador Márcio Motta em aula sobre fotografia. Seus alunos do ensino médio criam projetos de vida baseados em trabalhos fotográficos
Equipe do CDD na Web (a partir da esquerda): Lindeberg Silva, Noemy Farneze, Rafael Melo e Joyce Veloso.

O objetivo é mostrar que é possível ter uma vida saudável, com estudo e diversão, apesar do cotidiano difícil, marcado por tiroteios e operações policiais. “Nosso objetivo é conversar com os leitores, principalmente com os mais jovens, trazendo à tona temas como educação e cidadania. A violência existe porque não existe diálogo e informação”, acredita Noemy. “Para nossa felicidade, o retorno é muito bom. Os moradores mandam mensagens na nossa página e elogiam nosso trabalho”, completa.

Segundo a jovem, encontrar patrocinadores para o portal é sempre uma prioridade, pois são essas parcerias que fazem o projeto seguir em frente. Essa visão, diz ela, foi construída depois da participação do grupo na etapa de incubação do Pense Grandeprograma de apoio a jovens empreendedores da Fundação Telefônica Vivo. “Foi uma experiência surreal. Nós só queríamos fazer, não sabíamos bem como. O Pense Grande nos deu uma bagagem maior e nos ajudou a colocar o projeto em prática. As assessorias e as imersões foram incríveis”, lembra.

E o Pense Grande 2017 segue disseminando a cultura do empreendedorismo social por todo o país. As próximas atividades de formação com os jovens acontecem nos dias 6, 13, 20 e 27 de maio, nas ETECs Zona Sul e Abdias do Nascimento. Já as próximas capacitações com os Voluntários Telefônica, que atuam como formadores no Pense Grande, serão nos dias 11 de maio e 31 de maio. Clique e saiba mais sobre como funciona o Programa Pense Grande.

 

Leia também:



Deixe uma resposta aqui