Programa de empreendedorismo entra na grade de ETECs e Fatecs

30 de agosto de 2018

Programa Pense Grande, que difunde o empreendedorismo social, entra na grade curricular de 17 turmas de instituições públicas do Estado de São Paulo

Na imagem, grupo de jovens do programa Pense Grande se abraça coletivamente, formando um círculo

O programa Pense Grande, voltado para jovens interessados em ampliar suas possibilidades de futuro, a partir do desenvolvimento de empreendimentos sociais continua a crescer. A sua 5ª edição traz novidades importantes: o programa entra na grade curricular de 17 turmas nas Fatecs Zona Leste, Guarulhos, Ribeirão Preto, São Caetano e Itaquera, além da ETEC Professora Maria Cristina Medeiros, em Ribeirão Pires, interior de São Paulo.

Como nas edições anteriores, o programa oferece diversas mentorias, ferramentas, metodologias e estratégias inovadoras aos jovens. Tudo para que possam transformar a realidade de onde vivem com a ajuda de tecnologias digitais.

Sirlei Rodrigues do Nascimento, coordenadora da ETEC Professora Maria Cristina Medeiros, endossa o dinamismo e aprendizado que o programa proporciona. “A metodologia enriquecerá o projeto dos alunos e o seu desenvolvimento tanto pessoal como profissional. Além disso, eles têm a oportunidade de trabalhar com os Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável da ONU, Canvas, Análise Swot entre outras ferramentas”, afirma.

Já Luciano Francisco de Oliveira, coordenador e professor da Fatec Zona Leste, celebra o uso da metodologia Pense Grande nas aulas de empreendedorismo. Para o educador, é importante os alunos desenvolverem competências que o mercado de trabalho vem buscando. “As nossas aulas são enriquecedoras. Já o Pense Grande tem uma metodologia mais dinâmica e atualizada para a formação desses jovens”, ressalta.

Algumas das ETECs e Fatecs já não são mais estreantes, o que também deve ajudar a tornar a experiência dos participantes ainda melhor. “As escolas e os jovens já começam a entender melhor o trabalho que estamos fazendo, por isso acredito que a 5ª edição será tão transformadora quanto as outras. Estamos melhorando os processos a  cada ano” diz Rubem Saldanha, gerente de programas sociais da Fundação Telefônica Vivo.

 

Jornada empreendedora do Pense Grande

Na imagem, grupo de jovens do Programa Pense Grande mostra broches do programa Pense Grande

 

Do primeiro dia do programa até o Demoday, evento que encerra o ciclo e premia os projetos de destaque, serão realizadas 16 oficinas semanais.

Antes de se engajarem nas atividades, professores e alunos passam por uma sensibilização para que todos entendam a Metodologia Pense Grande, que estrutura o programa.

Um dos primeiros encontros aborda os 17 Objetivos para o Desenvolvimento Sustentável (ODS), das Nações Unidas. Os estudantes escolhem um contexto para guiar a solução de problemas que afetem suas realidades. Na última edição do Demoday, os grupos premiados trabalharam temas como igualde de gênero, saúde mental, política e acessibilidade.

“No último Demoday ficou claro, tanto pela fala dos jovens quanto dos professores, que o Pense Grande traz uma experiência muito significativa e inspiradora a todos os participantes, com forte impacto social”, finaliza Rubem Saldanha.

 

Leia também:



Deixe uma resposta aqui